CQPV

Fraude aprimorada

reboque protecao veicular

Se você trabalha com proteção veicular ou com assistência 24 horas com certeza já ouviu falar em associados que pedem um reboque e indicam o prestador para prestar o serviço, mas na verdade o carro não teve nenhuma pane e os envolvidos dividem o valor pago pelo serviço. A alguns anos essa prática vem se tronando comum, mas na última quarta-feira um dos participantes dos grupos de WhatsApp do CQPV mostrou que a fraude foi aprimorada, e na sequência ouvimos relatos de vários diretores das quais as associações e assistências já foram vítimas desse golpe. Como ficou claro, os estelionatários perceberam que esse é um golpe relativamente fácil de se aplicar, e com isso, resolveram escalonar a operação e ao invés de pedir o socorro em uma única associação, eles após se filiarem em diversas entidades, solicitam o mesmo serviço para várias vítimas de uma só vez, na sequência, o prestador emite a nota e divide o pagamento com o associado.

Apenas mais um tipo de fraude na proteção veicular

Infelizmente essa é apenas mais uma forma que pessoas de má-fé tem encontrado para fraudar as associações, antes desse golpe ser aprimorado muitas entidades passaram a obrigar o prestador a tirar uma foto do veículo sendo rebocado e no local de destino, mas com essa nova técnica nada impede que essa foto chegue até a instituição, o mais indicado ainda é, nunca enviar o prestador indicado pelo associado, isso pode até trazer insatisfação do mesmo, mas ainda sim, é o melhor caminho para evitar a fraude.

Preencha os campos

Anexe aqui o seu currículo em um dos formatos: pdf, jpg, png ou doc. Tamanho máximo 5mb.