SAIU A PRIMEIRA DECISÃO DE 2019, NO TRIBUNAL FEDERAL EM BRASILIA/DF, A FAVOR DO SOCORRO MÚTUO

Fonte: Assis Videira

Foi publicada hoje pela manhã a primeira decisão judicial DE PESO do ano de 2019, a favor das entidades de Proteção Veicular e Socorro Mútuo. E é claro que a Assis Videira foi o escritório que representou a entidade no recurso, através de seu fundador Renato Assis e da coordenadora Ana Paula Moraes, que estiveram ontem no Tribunal Regional Federal em Brasília/DF, tratando do caso.

No processo, a cooperativa COOPERTRUCK havia sido condenada em primeira instância nos pedidos formulados pela SUSEP. A Assis Videira assumiu o caso somente em segunda instância, apresentando o competente recurso ao TRF da 1a Região, em Brasília/DF. E após despacho na data de ontem junto ao Desembargador Relator do caso, o magistrado deferiu, hoje pela manhã, a medida cautelar requerida. A decisão cassou os efeitos da decisão de primeira instância, e restituiu à COOPERTRUCK, a seus diretores e a todos os seus cooperados, os direitos tolhidos pela malfadada sentença de primeiro grau.

Com mais essa vitória de peso, a equipe da Assis Videira, liderada pelo seu fundador Renato Assis, comprova porque é considerada a mais qualificada do País para atuação em defesa da Proteção Veicular e Socorro Mútuo, desenvolvendo as melhores e mais efetivas estratégias, preventivas e contenciosas, para defesa dos interesses destas entidades.

Compartilhe e promova o associativismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *