Você sabe a diferença entre seguro auto e proteção veicular?

Seguro auto e proteção veicular podem até parecer a mesma coisa, inclusive no discurso, porém na prática elas são bastante diferentes. Enquanto o seguro auto é oferecido por empresas seguradoras de veículos a proteção veicular é uma associação de pessoas. Entenda melhor qual a diferença entre o seguro auto e proteção veicular.

Ausência de apólice

As diferenças entre seguro auto e proteção veicular são várias a começar pela ausência de uma apólice quando se trata de uma proteção veicular. Nesta modalidade, os donos dos veículos formam uma associação e por meio de um regulamento interno com plano de benefícios mútuos todos os participantes são responsáveis pelos carros associados. O risco de cada carro da associação é dividido entre todos os participantes, garantindo o rateio das despesas e consequentemente tornando mais acessível para toda a sociedade a cobertura dos riscos de seu patrimônio.
Já o seguro auto é realizado por uma empresa de seguro tradicional e que segue RIGOROSOS PADRÕES que, se não enquadrados, não ofertarão a necessária cobertura dos riscos patrimoniais requisitadas pelos proprietários de um bem.

Diferença no prêmio

O prêmio é o valor pago para que uma seguradora assuma os riscos pelo seu carro. Esse prêmio é estipulado por vários fatores, entre eles as características do carro, também do motorista, inclusive os principais locais onde frequenta com o carro, os motoristas adicionais e a situação do possível titular da cobertura junto às entidades de proteção ao crédito (SPC e SERASA), uma vez que, se constarem restrições no Cadastro de Pessoa Física, A COTAÇÃO NÃO SERÁ APROVADA. Essa também é uma diferença entre o seguro veicular e proteção veicular.
A proteção veicular leva em conta somente as características do carro, não levando em conta registros de CPF do associado junto ao SPC e/ou SERASA, uma vez que visam unicamente a divisão de despesas para proteger um patrimônio de suma importância para seus proprietários que muitas vezes são a única fonte de renda de suas famílias.
A forma de cobrar pelo seguro de ambas também é diferente. Os seguros de carro feitos por seguradoras são cobrados em uma única cota ou em parcelas pré-fixadas, com fins lucrativos, levando-se em consideração as despesas FUTURAS e INCERTAS. Já as associações de proteção veicular cobram um valor de mensalidade que é composta por uma taxa de administração fixa mais o rateio mensal de todos os prejuízos com os carros da associação no mês anterior, sem fins lucrativos, levando-se em conta as despesas PASSADAS e CERTAS.
Além disso, em caso de um sinistro as seguradoras garantem o pagamento da indenização, pois são obrigadas a terem uma reserva para isso; já as associações de proteção veicular, por decisão da Diretoria Executiva, mesmo que não estejam obrigadas como as seguradoras, possuem fundo para passivo que atenderá às indenizações de sinistros em casos excepcionais e indenização de funcionários.

Falta de regulamentação

Muito se fala sobre a regulamentação ou a ausência dela. Enquanto as seguradoras de carro são regulamentadas e aprovadas pelo Conselho Nacional de Seguros Privados – CNSP, pela Superintendência de Seguros Privados – Susep, além do órgão do Ministério da Fazenda que fiscaliza o mercado de seguros; é dito que as associações de proteção veicular não são regulamentadas por leis e nem são fiscalizadas por nenhum órgão governamental, mas passemos à seguinte análise no inciso XVII, do artigo 5º de nossa Carta Magna, qual seja, a vigente CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, que estabelece que é plena a liberdade de associação para fins lícitos, vedada a de caráter paramilitar, e o parágrafo segundo do artigo 174 da mesma legislação que preceitua que a lei apoiará e estimulará o cooperativismo e outras formas de associativismo.
Fundamentados em nossa norma superior, e observando a lícita finalidade das associações de proteção veicular, que muita diferença tem se comparada às seguradoras, meu caro leitor, tire suas próprias conclusões a respeito da proteção veicular e garanta que seu patrimônio, adequado à sua realidade financeira, estará coberto dos riscos aos quais todos estão sujeitos. Lembre-se: juntos somos mais fortes!

 

Texto original: <https://www.comparaonline.com.br/blog/seguros/seguro-auto/2016/02/voce-sabe-diferenca-entre-seguro-veicular-e-protecao-veicular/>

Adaptado por Jenifher Coelho.

Compartilhe e promova o associativismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *